Google+ Followers

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Importância do Lanche Realizado na Escola

Mais um ano letivo se inicia e para se ter um bom resultado com relação aos estudos, precisa se preocupar em que tipo de alimento você manda na lancheira do seu filho/a ou o que eles andam comendo na cantina da escola.

Todo esse cuidado e zelo com a saúde do nossos pequenos irão fazê - lo crescer fisicamente de forma saudável e de forma intelectual também.

Alimentação infantil deve suprir as necessidades nutricionais da criança para adequado crescimento e desenvolvimento e garantir qualidade de vida em curto, médio e longo prazo. A nutrição inadequada tem se tornado um grande determinante das doenças crônicas no ser humano, com isto evidências científicas tem mostrado que alterações na dieta têm fortes efeitos, positivos ou negativos, sobre a saúde e a prevenção de doenças do adulto, já na infância.

O termo alimentação saudável inclui recomendações nutricionais específicas segundo a faixa etária dos indivíduos, que visam a promoção da saúde e a diminuição dos riscos e correção dos erros alimentares.

As refeições e lanches devem ser servidos em horários fixos diariamente, para que a criança sinta fome na próxima refeição.
- Um grande erro é oferecer ou deixar a criança alimentar-se sempre que deseja, pois assim, não terá apetite no momento das refeições.
- O intervalo entre uma refeição e outra deve ser de duas a três horas.


                       NÃO PODERÁ FALTAR NO LANCHE DA ESCOLA
• Um líquido: para repor as perdas nas atividades físicas: sucos, chás, água de coco engarrafados ou em embalagem tetra-pack, preferencialmente sem açúcar.
• Uma fruta: práticas para consumir com casca ou cuja casca pode ser retirada com facilidade (maçã, banana, pêra,morango, uva).
• Um tipo de carboidrato: fornecer energia. Pães (integral, fôrma, sírio), bolachas sem recheio, bolos caseiros. Cuidado com a quantidade, pois é apenas parte do lanche.
• Um tipo de proteína: proteínas lácteas: queijos, requeijões, iogurtes (somente se for possível manter em temperatura adequada).


TIPOS DE LANCHES:
Energéticos:
•Pães de farinhas integrais (aveia, grãos, centeio, integral, preto), pão sírio, pão francês com gergelim
• Bolos simples (de laranja, cenoura, maçã, fubá)
• Biscoitos doces ou salgados sem recheios
• Barra de cereais ( Dê preferência os de frutas e com teor de açúcar e gordura baixo)
• Geléia de frutas
• Mel
Construtores:
• Queijo branco, ricota, queijo cottage
• Leite e achocolatados em embalagem longa vida que garantem durabilidade
• Iogurte
Reguladores:
• Frutas frescas da época, inteiras com casca e higienizadas (banana, maçã, pêra, tangerina, uvas, morango, goiaba, pêssego, ameixa).


O QUE NÃO DEVE ENTRAR NA LANCHEIRA 
•Snacks e salgadinhos de pacote
•Refrigerantes
•Isotônicos
•Balas
•Bolos com recheios e cremes
•Frituras
•Bolacha recheada
•Bolachas doces e salgadas



 Que ao chegar o fim do ano letivo vopossa ter garantido assim mais qualidade de vida ao seu filho/a.



Fonte: Lanche Saudável - Manual de Orientação
Departamento Científico de Nutrologia Sociedade Brasileira de Pediatria 2012



















Nenhum comentário:

Postar um comentário